Realidade Virtual Conecta A Educação Ambiental No Litoral Paulista

Projeto Irá Produzir Imagens Imersivas Em 360 Graus Da Costa Paulista.

As filmagens do documentário em realidade virtual partem do projeto “Conexão Vertente Litorânea“, formado pelos três comitês das bacias hidrográficas do Litoral Sul, Baixada Santista e Litoral Norte e realizado pelo FunBEA – Fundo Brasileiro de Educação Ambiental teve gravações de cenas imersivas em 360 graus. As gravações tiveram início em Ubatuba, captando cenários e personagens presentes no território, e irá percorrer todo o litoral paulista.

O Projeto busca captar representações sobre a perspectiva de uma educação ambiental reflexiva e de atuação nos territórios costeiros. Transformando essa experiência numa imersão em realidade virtual , proporcionando acesso universal ao conteúdo.

Primeira Parada

Ubatuba, SP

No rancho de pescadores da Barra Seca, foram filmadas as primeiras cenas em realidade virtual com Ana Carolina Sorrentino, artista do grupo de folclore Comunidade Reinante Voga dos Mares de Iperoig – CRUMI, de Ubatuba.

Neta de família caiçara da região, Ana trouxe o folclore como pano de fundo para as questões caiçaras, refletindo sobre pertencimento de território e preservação da cultura popular. 

“Através da expressão artística e popular, tentamos trazer amor pela natureza e a conexão com este lugar.”

Ana Carolina Sorrentino, CRUMI Ubatuba

 

Em Ubatuba, o Parque Estadual Ilha Anchieta também teve imagens captadas para o Documentário em Realidade Virtual. Lá o espectador poderá imergir em imagens subaquáticas da zona costeira do Parque.

Gabriela Carvalho, monitora ambiental do Parque Estadual, conduz o passeio fazendo um resgate histórico e ambiental da ilha.

“A Ilha Anchieta é cercada de espécies muito ricas da fauna marinha, e ao mesmo tempo é um local que tem uma história bem interessante, tendo sido um presídio político até 1955.”

Gabriela Carvalho, Parque Estadual Ilha Anchieta

Do Norte Para o Sul

A segunda parte das filmagens do Documentário em Realidade Virtual da Vertente Litorânea ocorreram em Cananéia, extremo sul do litoral paulista.

Camila Costa e Ilso Neves são os dois monitores ambientais que nos acompanham nessa etapa do documentário. Caiçaras locais de Cananéia, puderam levar a equipe para  a Praia do Pereirinha, comunidade onde residem aproximadamente 30 famílias tradicionais. “Nós fazemos passeios de barco e trilhas no Complexo  Estuarino  Lagunar  Ribeira do Iguape, um dos poucos locais que ainda têm preservado o ambiente e a cultura local”, destacou Camila. 

“Nós fazemos passeios de barco e trilhas no Complexo  Estuarino Lagunar Ribeira do Iguape, um dos poucos locais que ainda têm preservado o ambiente e a cultura local.”

Camila Costa, Monitora Ambiental em Cananéia
Barra de Ararapira, Cananéia - Foto Ney Ikeda
         Preservar a cultura tradicional caiçara é uma das ações realizadas no Complexo Estuarino lagunar Ribeira de Iguape

Baixada Santista

O final das gravações aconteceram na Baixada Santista, com um passeio de canoa havaiana pela baía da Praia de Santos. No local, encontramos a educadora ambiental e gestora do projeto Albatroz, Cynthia Ranieri, que falou sobre o cenário urbano e os desafios dos coletivos educadores. O passeio foi guiado pelos instrutores de remo do Clube Canoa Caiçara, que além de atividades esportivas, também realizam ações de limpeza no mar.

Barra de Ararapira, Cananéia - Foto Ney Ikeda
                               Na baixada santista o desafio é integrar a população com a natureza.

Produção Zumbi Filmes

A Produção do Documentário em Realidade Virtual na Vertente Litorânea está sendo realizada pela Zumbi Filmes, com direção geral de Ed Davies e colaboração do diretor e especialista em Virtual Reality, Dimitri Lucho. O Filme entra em fase de pós-produção e deve ser lançado ainda em 2021, como complemento da plataforma do Mapa Interativo da vertente litorânea, que está sendo construído pelo mesmo Projeto e tem o objetivo de conectar ações de educação ambiental, cultura popular e conservação marinha no Estado de São Paulo.

Vertente Litorânea

O projeto Conexão Vertente Litorânea é uma idealização do FunBEA – Fundo Brasileiro de Educação Ambiental com o financiamento do Fundo de Recursos Hídricos e Governo do Estado de São Paulo. Nele, estão envolvidas diferentes instituições, movimentos e lideranças do litoral de São Paulo que estarão com suas ações de educação ambiental disponíveis para divulgação em um mapa virtual.

Acompanhe Nossas Mídias Sociais 

Inscreva-se para Receber Nossos Informativos

2 Comments

  1. FÁTIMA MARIA DE MORAIS ROCHA 9 de junho de 2021 at 09:45 - Reply

    Muito importante o trabalho de Educação Ambiental nas praias onde o maior acúmulo de LIXO são encontrados.Devemos chegar junto às comunidades locais e triplicar as AÇÕES DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL para uma conscientização de se preservar o ambiente dos OCEANOS JÁ!

    • Karina Kempter 22 de julho de 2021 at 13:37 - Reply

      É isso mesmo Fátima!!!!

Deixe um Comentário